O que um jornalista faz no curso de Direito?

Ainda que carregando o boleto de bolsista, todo aluno, em algum momento passa por aperto na hora de pagar a faculdade. No quesito negociação, a Estácio certamente ficaria em último lugar, se houvesse um ranking para isso. Ouço histórias de estudantes de outras universidades, que sentam na frente do reitor,  choram e avaliando o histórico da pessoa e, critérios que mudam de um lugar para outro, acabam encontrando um modo de ajudar o aluno. Sei de pessoas que encontraram flexibilidade na UVA, na Faculdade da Cidade, na Facha e até na FGV, acreditem! Mas a Unesa, claro está a cima de tudo isso.

E, dessa forma, acabei deixando de fazer uma matéria correspondente ao terceiro período: Antropologia. De lá para cá, o currículo mudou quatro vezes e, decidiram que a matéria não abriria mais no curso de Comunicação. Fui deixando o tempo passar, porque pedir uma informação no campus Madureira é uma tortura que até os chineses devem achar desumana.  Agora, prestes a me formar, tive que encostá-los contra a parede. A solução: me matricularam em uma turma que eles avaliaram como equivalente: Fundamentos da Antropologia e da Sociologia do curso de Direito.

É impossível deixar de lado o fato de que já havia estudado Sociologia e, portanto, eles me obrigaram a repetir uma matéria a qual fui muito bem aprovada, sob a alegação (que não me convence até hoje) de que o MEC diz que se a instituição oferece uma turma equivalente, não pode abrir um estudo dirigido, por exemplo.

Equivalente adj.2 gen. De igual valor.

Fazer o aluno repetir matéria que já fez pode ser considerada de igual valor?

Mais uma vez, ponto para a competência e atenção do professor, que resolveu em sala de aula uma forma de amenizar essa barbaridade. Até porque em plena monografia ter que me preocupar novamente com Marx e Weber, não mais de forma cultural (como é dado no curso de Comunicação Social), mas como teóricos de embasamento jurídico é coisa que nenhum aluno merece!

Por que lembrei disso agora? Hoje é dia da minha segunda (e espero que última) avaliação da matéria. E queria deixar meu agradecimento ao professor, embora não tenha passado minha indignação com a Universidade Estácio de Sá, ele amenizou a catástrofe com aprendizado.

1 comentário

Arquivado em Cotidiano

Uma resposta para “O que um jornalista faz no curso de Direito?

  1. marinamendes

    você fez Antropologia em Direito. eu fiz Economia em Direito. não sei o que é pior…

    a minha sorte é que eu era a única pessoa alfabetizada na sala e o professor se condolesceu da minha situação…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s